Joseane Salau Ferraz

WhatsApp Image 2020-05-24 at 17.44.15 (1)Joseane Salau Ferraz, também conhecida como Josi, nasceu em 11 de Abril de 1998 no município de São Gabriel, interior do Estado do Rio Grande do Sul. Josi, desde muito cedo demostrava curiosidade, admiração e gostava de entender a natureza. Com apenas cinco anos, passou a colecionar rochas, minerais, conchas de animais marinhos e moedas antigas. Devido ao seu amor por felinos, cresceu almejando cursar Veterinária para estudar os felinos selvagens e Aves.

Durante o Ensino Médio, Josi começou a perceber que a Biologia também era uma opção de curso a ser considerada, pois era sua disciplina favorita na escola. Durante o segundo ano, foi recrutada para fazer parte do Clube de Ciências da escola, esse projeto era mantido pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência-PIBID. O projeto inseria nas escolas, os acadêmicos de cursos de licenciaturas para adquirem e vivenciar a prática escolar através da realização de aulas teóricas, roda de conversa e experimentos científicos para alunos de ensino fundamental e médio.

WhatsApp Image 2020-05-24 at 17.43.48

Por meio do PIBID, Josi se aproximou mais do mundo da biologia e da Universidade e assim, com 17 anos, ingressou no Curso de Licenciatura em Ciências Biológicas da Universidade Federal do Pampa (UNIPAMPA).

WhatsApp Image 2020-05-24 at 17.44.15

Na primeira semana de aula de graduação, teve aula de Geologia e seu amor por rochas e minerais durante a infância tinha renascido. Alguns meses depois, Josi se juntou a equipe do Laboratório de Paleobiologia coordenada pelo Dr. Felipe Pinheiro e passou a estudar fósseis do Permiano e do Triássico.

WhatsApp Image 2020-05-24 at 17.45.32

No semestre seguinte, alguns membros do laboratório realizaram uma prospecção de campo a um sítio fossilífero conhecido pela abundância de coprólitos (fezes fossilizadas).WhatsApp Image 2020-05-24 at 17.43.47 Josi passou a estuda-los, desde então, seu fascínio por essas estruturas cresceram cada vez mais e suas pesquisas vem gerando resultados importantes para entender o ecossistema do Permiano do Brasil.

Em paralelo com a pesquisa paleontológica, dividia seu tempo com uma parte muito importante da sua formação, o ensino de Ciências.

Teve duas bolsas, uma do Programa de iniciação à docência (PIBID), o mesmo programa que a aproximou da Universidade durante o ensino médio e outra do Programa de Educação Tutorial (PET).

WhatsApp Image 2020-05-24 at 17.44.34

Esses programas permitiram a realização de projetos de Divulgação Científica, por meio de feiras, oficinas e exposições em escolas e praças do município e do Estado.

WhatsApp Image 2020-05-24 at 17.45.33Graduou-se no ano de 2020, atualmente complementa sua formação no mesmo curso, mas na modalidade de bacharelado, estudando mais a fundo os coprólitos e administra o perfil no Instagram “Paleontologia em Poucas Linhas”.

Como professora, defende o poder transformador da educação, e como bióloga tem como um dever popularizar a Ciência para todas as idades, especialmente a Paleontologia.

 

Curriculo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1713154518384573

E-mail: joseaneferraz98@gmail.com

Instagram: @paleo_linhas

WhatsApp Image 2020-05-11 at 15.17.12