Arqueologia e Pré-História

Desde 2013 colaborando com a educação e informação ao grande público sobre arqueologia e pré-história em língua portuguesa. Notícias, artigos, eventos, e muito mais! (Este site NÃO possui fins lucrativos).

Seminário (USP) – Povoamentos pré-históricos no Brasil Central (21-23 de Agosto 2013)

Povoamentos pré-históricos no Brasil Central

– Peuplements préhistoriques au Brésil Central –

Seminário

MAE/USP (São Paulo) – MNHN (Paris)

21-23 de Agosto 2013

LOCAL: Auditório do Instituto Oceanográfico/ USP – Praça do Oceanográfico, 191 Cidade Universitária – São Paulo, SP

————————————

TEMA

Brasil Central na Arqueologia Sul-americana: Povoamentos, Territórios de habitação, Comportamentos técnicos, econômicos e simbólicos.

Conclusão de 30 anos de pesquisas arqueológicas no Mato Grosso e Bacia do Paraná. Seminário internacional organizado através do Convênio entre o Museu de Arqueologia e de Etnologia da Universidade de São Paulo (Brasil) e o Département de Préhistoire du Muséum National d’Histoire Naturelle de Paris (France).

 

RESPONSÁVEIS

MAE/USP: Paulo Dantas De Blasis, Levy Figuti, Veronica Wesolowski

MNHN: Agueda Vilhena Vialou, Denis Vialou

COMITÊ ORGANIZADOR

MAE/USP: Carolina Machado Guedes

MNHN : Caroline Bachelet

ENTIDADES PÚBLICAS PATROCINADORAS / MÉCÉNATS PUBLIQUES

Ministère des Affaires Etrangères – France

Consulado Geral da França – São Paulo

Museu de Arqueologia e Etnologia da Universidade de São Paulo – Brasil

Muséum National d’Histoire Naturelle de Paris – France

FAPESP / CAPES

EMPRESAS PRIVADAS PATROCINADORAS / MÉCÉNATS PRIVÉS

Agropastoril JotaBasso – Mato Grosso – Brasil

Vilhena Desenvolvimento Ambiental – São Paulo – Brasil

Thales – France

————————————

Quarta-feira, dia 21 de Agosto

Abertura do Seminário e lançamento do livro “Passado no Presente: Cidade de Pedra

Organidadora: Agueda Vilhena Vialou

Sexta-feira, dia 23 de Agosto

Encerramento do Seminário e exibição do filme “Cidade de Pedra: uma pré-história para contar

Diretora: Delvair Montagner

————————————

CONFERÊNCIAS

Quarta-feira, dia 21 de Agosto, Manhã 9:30

Gustavo Martinez – INCUAPA-CONICET. Facultad de Ciencias Sociales, UNICEN. Facultad de Ciencias Sociales de Olavarría Univ. Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires – Argentina

Arqueología de la transición Pleistoceno-Holoceno en la región Pampeana (Argentina). Historia y contribuciones al conocimiento de las ocupaciones tempranas del Cono Sur Americano.

Quinta-feira, dia 22 de Agosto, Manhã 9:30

José Lopez Mazz – Facultad de Humanidades y Centro Universitario Región Este/Rocha – Uruguay

Las industrias líticas tempranas de Uruguay y sus relaciones con las de la región.

Sexta-feira, dia 23 de Agosto, Manhã 9:30

Arno Alvarez Kern – Pontifíca Universidade Católica do Rio Grande do Sul/ PUCRS Brasil

Povoamento-Pré-histórico da América Meridional do Rio da Prata; Tempo, Espaço,e Cultura Material

~————————————

MESAS TEMÁTICAS

Quarta-feira, dia 21 de Agosto

Paleoíndio no Brasil Central

Manhã 9:30

Coordenador de mesa: Gilson Rodolfo Martins

Gilson Rodolfo Martins – Contextos arqueológicos do final do Pleistoceno na região meridional do Cerrado, Mato Grosso

Levy Figuti e Mirian Liza Alves Forancelli Pacheco – Megafauna pleistocênica em Santa Elina, MT: um “paradigma arqueológico”?

James Feathers – Ten sediment samples from Santa Elina.

Michel Fontugne – The ages of old human settlements in Brazil: New results and a discussion about their validity.

Agueda Vilhena Vialou – Santa Elina :ocupações paleoíndias e pleistocênicas

Tarde 14:30

Coordenador de mesa: Paulo Dantas de Blasis

Lucas Reis Bueno –  Tecnologia e Território no povoamento do Brasil Central: contribuições a partir do médio Tocantins.

Antoine Lourdeau – Modalidades de povoamento do Brasil Central: contribuição das indústrias líticas de Goiás e do Piauí

Maria Jaqueline Rodet – Os lascamentos do cristal de quartzo no início do Holoceno no Brasil Central. Exemplo do sítio Bibocas II Jequitaí MG.

Astolfo de Mello Araújo – Paleoindios no Brasil: Transmissão Cultural e Modelos de Povoamento.

————————————

Quinta-feira, dia 22 de Agosto

Os três tempos da Cidade de Pedra

Manhã 9:30

Coordenador de mesa: Levy Figuti

Levy Figuti – Cidade de Pedra : sitios a céu aberto e territórios.

Agueda Vilhena Vialou – Povoamentos em abrigos desde o Holoceno Médio.

Paulo Dantas De Blasis e Tatiane de Souza – Abrigos Vermelhos: habitat e indústria lítica.

Veronica Wesolowski – Sepultamentos na Cidade de Pedra.

Gregório Ceccantini – Paleoambiente e Botânica.

Tarde 14:30

Coordenador de mesa: Denis Vialou

Denis Vialou – Cidade de Pedra: paisagens variadas e territórios distintos

Jean-Roch Houllier – Discovering, understanding, experiencing the “Cidade de Pedra”: a cartographic, graphic and pedagogic approach.

Caroline Bachelet – Antracologia dos abrigos rupestres Ferraz Egreja, Morro Solteiro, Pacífico e Antiqueira.

Carolina Machado Guedes – Os sinais da Cidade de Pedra: os sítios do Conjunto da Falha e Mano Aroé.

————————————

Sexta-feira, dia 23 de Agosto

Entre Bacias: Amazonas / Bacia do Paraná

Manhã 9:30

Coordenador de mesa: Eduardo Góes Neves

Eduardo Góes Neves – Amazônia

Maria Clara Migliacio – O Pantanal Matogrossense e suas relações arqueológicas com grandes áreas adjacentes: Amazônia e região do sistema Paraná-Prata

Emilia Kashimoto – O contexto arqueológico do Alto Paraná: uma encruzilhada hidrográfica continental

André Colonese – Paleodieta na América do Sul : a ecologia isotópica das comunidades pré-históricas no Brasil

————————————

Tarde 14:30

Herança e Influência do Programa Bacia do Paraná (São Paulo e Mato Grosso) – Formação: patrimônio, educação, ambiente, arqueologia preventiva

Coordenadores de mesa: Sibeli Aparecida Viana, Gilson Rambelli

Sibeli Aparecida Viana – Herança e Influência do Programa Bacia do Paraná na Formação de Arqueólogos do Brasil.

Fabiana Comerlato e Carlos Costa – Caminhos cruzados :Trajetórias de Pesquisa em Santa Catarina e na Bahia. Influências pelo programa Bacia do Paraná (Mato Grosso).

Neide Barrocá Faccio – Os Sítios Arqueológicos Guarani da Bacia do Rio Paranapanema: afluente do Alto Curso do Rio Paraná.

Louise Prado Alfonso – Patrimônio e Educação – uma trajetória a partir do Programa Bacia do Paraná (Mato Grosso).

~

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 01/08/2013 por em Reportagens.
%d blogueiros gostam disto: