Arqueologia e Pré-História

Desde 2013 colaborando com a educação e informação ao grande público sobre arqueologia e pré-história em língua portuguesa. Notícias, artigos, eventos, e muito mais! (Este site NÃO possui fins lucrativos).

Da penumbra à escuridão – A arte rupestre das cavernas de Ruropólis, Pará, Amazõnia, Brasil

Pinturas e gravuras rupestres na Amazônia brasileira estão presentes principalmente em locais a céu aberto. Ainda são poucos os registros sobre a presença de arte rupestre no interior de cavernas. Rurópolis, município situado no sudoeste do estado do Pará, parece ser uma exceção, visto que abriga uma importante província espeleológica com grande quantidade de cavernas em arenito. Algumas dessas cavernas abrigam em seu interior pinturas e gravuras pré-históricas cujas características técnicas e estilísticas não encontram paralelo na Amazônia. No entanto, o ineditismo e  principal característica dessa arte rupestre é o fato de estar localizada em áreas afóticas das cavernas.

Este artigo tem sua origem em uma vistoria técnica realizada em julho de 2011 a pedido da Superintendência Regional no Pará do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN. Trata-se de informações preliminares observadas em cinco sítios com arte rupestre localizados no município de Rurópolis.

O artigo foi escrito por Edith Pereira e Erismar de Souza Silva.

Para ler o artigo completo e com várias imagens das representações clique aqui:
http://www.rupestreweb.info/cavernasruropolis.html 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 27/01/2014 por em Artigos.

Siga-nos no Facebook, e acesse mais conteúdo

Siga-nos no Twitter

%d blogueiros gostam disto: